/// GESTÃO
AMBIENTAL

Engajar para reduzir impactos ambientais e tornar os processos de trabalho das empresas do Grupo Barigüi cada vez mais sustentáveis.

Concessionária que Queremos

Todas as ações ambientais foram reunidas em uma iniciativa única que deu origem ao Programa Concessionária que Queremos, um movimento transformador que nasceu para implementar processos de gestão ambiental em todas as concessionárias de veículos do Grupo Barigüi, em diversas cidades do Paraná e Santa Catarina, e reduzir os impactos que a atividade automotiva gera ao meio ambiente.

No Programa, os colaboradores são incentivados a adotar boas práticas ambientais e trabalhar em harmonia com o meio ambiente. Todo cliente que for a uma concessionária do Grupo Barigüi, irá encontrar ilhas de resíduos e espaços nas oficinas para a correta separação, coleta e destinação destes materiais.

Concessionária que Queremos | Instituto Barigui

///
Desde 2010 já
foram reciclados

73 toneladas de plástico | Instituto Barigui

73 toneladas de plástico

463 toneladas de papelão | Instituto Barigui

463 toneladas de papelão

40 mil unidades de pneus | Instituto Barigui

40 mil unidades de pneus

191 toneladas de papel | Instituto Barigui

191 toneladas de papel

7.861 unidades de bateria | Instituto Barigui

7.861 unidades de bateria

1.038 toneladas de resíduos sólidos contaminados | Instituto Barigui

1.038 toneladas de resíduos sólidos contaminados

965 mil litros de óleo  | Instituto Barigui

965 mil litros de óleo

/// DESCUBRA

  • 500 ton

    500 toneladas de sucata (desde 2010)
    Equivalem a 622 carros populares
  • 100%

    100% dos resíduos sólidos contaminados
    são transformados em fonte de energia e matéria-prima para a indústria cimenteira.
Destaque | Instituto Barigui Destaque | Instituto Barigui

///
Como cada parte de
um carro pode ser
reciclada?

Peças metálicas

Toda peça metálica retirada do carro é encaminhada para o processo de reciclagem, que ocorre através da fundição com o objetivo de transformar o resíduo em matéria prima novamente.

Bateria

As baterias apresentam em sua composição metais tóxicos perigosos à saúde humana e ao meio ambiente como mercúrio, chumbo, cobre, zinco, cádmio, manganês, níquel e lítio. Toda bateria é descartada para reciclagem por meio da logística reversa.

Filtro de óleo

O papel, o aço, o plástico e até o óleo remanescente no filtro são destinados através do programa de Logística Reversa ABRAFILTROS, instrumento introduzido pela Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS).

Radiador

Alumínio ou lingotes de bronze industrial podem ser extraídos desta peça. O alumínio tem alto valor no mercado e, após reciclado, se transforma em panelas, latas de refrigerante, perfilados para a construção civil e uma infinidade de outros produtos.

Óleos e fluidos

O óleo lubrificante do motor, fluidos de freios e arrefecedores são encaminhados para o processo conhecido como “rerrefino”. Esse é um processo industrial que transforma o óleo usado em óleo básico novamente, e evita que este resíduo perigoso seja descartado no meio ambiente.

Para-brisa

O para-brisa danificado é retornado ao fornecedor ou encaminhado para coprocessamento

Pneus

Os pneus são encaminhados para reprocessamento, dando origem a novos produtos, ou são destinados para o coprocessamento.

Peças plásticas

As peças plásticas quebradas e danificadas são encaminhadas para reciclagem.

Resíduo contaminado

Filtros de ar e gasolina, estopas, colas, lixas, resinas, película automotiva, borracha, calota, correia dentada, EPI, sobras, rejeitos ou contaminado com óleo, são encaminhados para coprocessamento, tecnologia que consiste no aproveitamento energético de resíduos contaminados como substituto de combustível fóssil em indústrias cimenteiras.

///
CICLO SUSTENTÁVEL

Nosso ciclo de sustentabilidade é transformar os resíduos em oportunidades de educação para quem mais precisa

Toda a renda da reciclagem dos resíduos | Instituto Barigui
é destinada aos projetos de educação profissional | Instituto Barigui
///
parceiros